Wargaming – Inventando novos jogos de guerra

(Um retorno, agora em terras relativamente mais européias.)

Alguns dias atrás peguei meu novo brinquedo para adultos, o Harpoon 4.1 – High Tide, um wargame naval fantástico e muito famoso em seu meio, que é inegavelmente limitado. Uma curta descrição do jogo, feita pelo Almirante Sir John Woodward, é “… Harpoon 4 permite um gosto surpreendentemente realista de comando marítimo em guerra – com a vantagem de que você não terá que nadar pela sua vida se cometer um erro.”.

Para os iniciantes, uma pequena descrição: Wargames (ou Jogos de Guerra, como são algumas vezes chamados em língua portuguesa) são simulações de atividades militares, normalmente baseadas em tabuleiros e mesas, e se parecem um pouco com jogos como War ou Diplomacia, mas com mais complexidade envolvida. Existem em todos os gostos: históricos, de pequena escala, de grande escala, com elementos de política, economia, diplomacia, entre outros.

O marco histórico na criação dos wargames é Kriegsspiel, inventado na década de 1820 por oficiais prussianos (um antigo Estado germânico que depois deu origem ao Império Alemão) e que recebe fama por ter ajudado em vitórias estratégicas memoráveis, como a obtida na Guerra Franco-Prussiana. Muitos anos depois, eles obtêm seu auge comercial na década de 70, mas logo após decaem fortemente perto da concorrência de seus derivados, como o RPG. Com a chegada dos computadores pessoais populares, outro baque importante ocorre, uma vez que é muito mais fácil atrair pessoas com algo simples e bonito.

Com uma concorrência tão pesada assim, fica difícil acreditar que um meio tão arcaico e complexo exista até hoje, mas certos nichos nunca serão satisfeitos de outra forma se não o detalhismo e o sentimento de completamento. Para estes, eis Harpoon e sua beleza.

Harpoon - Caixa

Harpoon - Caixa

Harpoon - Livros

Harpoon - Livros

Saído de uma caixa bonita, seu aspecto se impõe facilmente no ambiente: livros e cartelas de marcadores, de uma forma organizada e bem-fabricada. Ainda há os quatro dados, dois de seis faces e dois de dez, utilizados pelo jogo, um extra bem-vindo, principalmente quando colocamos em questão o custo alto. Claramente não-infantil em nossa visão moderna, mas apenas pela seriedade e dedicação necessárias. Como um dos nossos escritores pode comprovar, até um jovem de treze anos pode desfrutá-lo, se estiver motivado.

Em breve uma resenha mais precisa e um pequeno relatório de uso, assim que todos estiverem um pouco mais tranquilos e/ou de férias.

About these ads

2 respostas para Wargaming – Inventando novos jogos de guerra

  1. Daniel disse:

    Hummm pelo que me lembro o exército americano usa o Darwars Ambush, que parece ser bom até… mas fiquei sabendo que estão desenvolvendo um novo chamado Game After Ambush… Um dia tento arranjar um desses para testar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: