Porque a internet é pervertida

Reclamar da Internet, todo mundo reclama. Ter razões verdadeiras para isso, nem todo mundo tem, mas – pasmem – eles existem.

Na verdade, a culpa não é da internet. Existem flogs miguxos? Sim. Pop-ups irritantes? Sim. Orkut? Sim. Spam (com bacon e ovos)? Sim (sem bacon e ovos também). Existem arquivos infectados que te fazem gastar grana com conserto ou o CD pirata do XP? Sim. Emos? Sim. Mais emos? Sim. Sites com músicas emo? Sim. Agora… de quem é a culpa de tudo isso?

Simples. Do usuário.

Computadores não podem ser bichos de sete cabeças. Eles são simples: clica aqui, digita ali. Pronto, acabou. Ou clica aqui, clica ali, digita e clica. A internet também é assim.

Mas, como com computadores há pessoas que não sabem salvar um arquivo .doc depois de 6 meses mexendo com o MSWord, há protozoários que, na Internet, não conseguem baixar um programa de um site a partir de um link direto, que não entendem que a Caixa Federal não sabe seu e-mail e não vai mandar uma mensagem dizendo “Parabéns, você ganhou R$6mi, entre no site http://www.caixa-federal.vai.la” e que pessoas não vão pedir para você, um mero mortal, ajudar-lhes a lavar US$4bi roubados de alguma estatal russa. Protozoário, aprenda a ler sites quaisquer, a usar o Google.

Lógico, salvas exceções, por exemplo, de pessoas que não nasceram na era digital ou que, quando ela chegou, já tinham passado demais da época de começar e aprender fluentemente com ela. Aí, as exceções são os que sabem mexer bem com o dragão PC, ou mesmo que sabem o que é um PC. Mas, honestamente, outro dia me vem uma amiga minha (15 anos) e me diz “Ahh, como eu faço para baixar nãoseioque?”. Era CLICAR EM UM BOTÃO E ESPERAR. Ponto. Me diz, como alguém não sabe fazer isso?

Mas há casos piores. Sempre tem aquele nó cego que diz “puts, e agora, como eu entro na internet?” e, quando entra, “E agora, o que eu faço? Que chato, isso.”. SEMPRE. Ou aquele cara que diz que internet dá vírus no PC. Ou o cara que diz que a internet é perigosa porque o Zé, aquele três por três, caminhoneiro, vai entrar numa sala de bate-papo e conseguir te convencer que ele é a Gatinha_2000 e que quer te conhecer, que o MSN é mal e viciante (eu não sou bom para falar disso, eu sei) e que blogs são pedofilia pura e satânica.

Pessoas, acordem, a culpa é de vocês. Se uma garota de 15 anos não sabe baixar arquivos é por causa de um pai internetófobo que acha que a internet automaticamente põe vírus no seu PC. Se temos várias boas iniciativas estragadas e arruinadas, é culpa dos usuários delas. Acordem, pessoas, a culpa é o ser humano: nem todos estão preparados e aptos para conhecer algo como a internet ou saber lidar com ela. Pessoas com QI abaixo de 2 (o que exclui apenas 2% da população mundial) não merecem a Internet, então, por favor: não a usem, mas não irritem a quem a merece, usa e conhece com afirmações como “a internet vicia e é malvada. Pornografia por todos os lados! Cuidado para não cair em nenhuma furada em bate-papos!” ou afins.

 

P.S.: Alguém ainda usa bate-papo?

 

 

2 respostas para Porque a internet é pervertida

  1. E pais deixam ouvir funk, mas proíbem pornô. Topless, então, é coisa do Satã, chuta que é macumba.
    O estoque de bom senso da raça humana deve ‘tar acabando….

  2. […] por Andrei Luswarghi ligado Setembro 11th, 2007 Outro dia eu postei sobre a perversão da Internet e defendi uma coisa bem simples: não é a internet que é ruim, são seres humanos que ainda não […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: